RLIS DE VISEU ATENDEU E ACOMPANHOU MILHARES DE PESSOAS

A Rede Local de Intervenção Social de Viseu efetuou mais de 5500 atendimentos, firmou 850 Acordos de Intervenção Social e realizou 900 visitas domiciliárias de acompanhamento, no período contratualizado com o Programa Operacional de Inclusão Social e Emprego (POISE) – Julho de 2016 a Julho de 2019.

O projeto foi coordenado pelas Obras Sociais do Pessoal da CM e SM de Viseu em estreita articulação com o Centro Distrital da Segurança Social de Viseu. A abnegação da equipa de trabalho e a excelente articulação com os parceiros da Rede Social permitiram potenciar os princípios que nortearam o Serviço de Atendimento Social e Acompanhamento Social: Promoção da inserção social e comunitária; Contratualização para a inserção, como instrumento mobilizador da corresponsabilização dos diferentes intervenientes; Personalização, seletividade e flexibilidade de apoios sociais; Intervenção prioritária das entidades mais próximas dos cidadãos; Valorização das parcerias para uma atuação integrada; Intervenção mínima, imediata e oportuna.

Com o enfoque na progressiva autonomia pessoal, social e profissional de cada pessoa, foi possível, na maioria das situações, mobilizar os recursos da comunidade que mais se adequavam e contribuíam para a aquisição e ou fortalecimento das competências.

Um projeto que, pelo seu carácter inovador, nos desafiou durante 36 meses e imprimiu uma dinâmica constante de promoção das melhores práticas e de avaliação quantitativa e qualitativa da intervenção de proximidade.

Destaco como pontos fortes do nosso trabalho diário, com e para as pessoas da nossa comunidade, a efetiva proximidade do cidadão e a densificação da rede de parceiros, permitindo construir um percurso de confiança mútua catalisador das melhores soluções para a multiplicidade e complexidade dos desafios que nos foram sendo colocados.

A nossa equipa desenvolveu competências profissionais e adquiriu um conhecimento aprofundado da realidade do território que nos permite agilizar rapidamente as respostas às necessidades da comunidade.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon