WORKSHOP “MÃOS À OBRA”

Na próxima quarta-feira um coletivo de artistas viseenses – António Silva, Paula Magalhães e Tiago Lopes – vão, conjuntamente com as crianças do Ensino Pré-escolar e do CATL, deitar “Mãos à Obra”.
 
#ObrasSociaisViseu #MaosAObra #Arte #Artistas #ArtistasDeViseu
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

GUIA PRÁTICO ESTATUTO DO CUIDADOR INFORMAL: CUIDADOR INFORMAL PRINCIPAL E CUIDADOR INFORMAL NÃO PRINCIPAL

O Estatuto do Cuidador Informal (Estatuto), aprovado pela Lei n.º 100/2019, de 6 de setembro, é um
conjunto de normas que regula os direitos e deveres do cuidador e da pessoa cuidada e estabelece
as respetivas medidas de apoio.
A Lei n.º 100/2019, de 6 de setembro prevê o desenvolvimento de projetos-piloto que apliquem de
forma experimental as medidas de apoio ao cuidador informal, enquadrados nas condições previstas
no Estatuto.
Estes projetos-piloto têm uma duração de 12 meses, com início a 1 de junho de 2020, abrangem 30
concelhos do território nacional * e incidem sobre:
• O desenvolvimento de um programa de enquadramento e acompanhamento
• Atribuição de um subsídio ao cuidador informal principal
• Apoio ao cuidador através de um plano de apoio a definir pelos agrupamentos de centros de
saúde

Clique aqui, para aceder ao Guia.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

DIA MUNDIAL DA CRIANÇA

Hoje, celebra-se o Dia Mundial da Criança.

Desejamos a todas as crianças e famílias um dia muito feliz.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

Les Big Mecs – Alimenta esta Corrida

Olá a tod@s,

Este evento integra um movimento nacional cujo objetivo consiste na angariação de bens essenciais para famílias carenciadas.

Sendo impossível ficar indiferente a este movimento, gostaríamos de incentivar os nossos amigos corredores (e não só) a colaborar nesta angariação para que possamos fazer chegar esses bens a famílias que mais deles possam necessitar.

No dia 6 de junho de 2020, estaremos a recolher os bens essenciais doados na URBANIZAÇÃO COLINA VERDE, das 8h às 13h!

Contudo, atendendo às recomendações do Governo e da DGS, algumas regras terão de ser cumpridas:
1 – No momento da entrega, o uso máscara é obrigatório e serão tidos em conta os devidos cuidados de distanciamento físico;
2 – Quem pretender juntar alguns kms de corrida/caminhada aos bens entregues poderá fazê-lo, garantindo que seja respeitada a regra de o fazerem em grupo de 2 pessoas;
3 – Quem quiser apenas contribuir com bens alimentares, os nossos Big Mecs estarão disponíveis para correr, em equipas fixas, por todos os que se juntarem a nós nesta iniciativa.

A ajuda será entregue, posteriormente, a um grupo de famílias já identificadas pela IPSS DE VILA CHÃ DE SÁ e pelas OBRAS SOCIAIS DE VISEU.

Em nome das famílias englobadas nesta iniciativa, desde já o nosso muito obrigado.

Ajudem-nos a chegar mais longe… Alimentem esta corrida!
Abraço,
Les Big Mecs
#RijosComoGalosVelhos
#AlimentaEstaCorrida

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

CATL REABRE DIA 15 DE JUNHO

Informamos que, de acordo com as informação da CNIS, o Centro de Atividades de Tempos Livros – CATL – reabrirá dia 15 de Junho.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

Euroticket Creche

No Dia da Criança, 01 de junho, teremos algumas novidades.
As Obras Sociais Viseu integrarão a Rede Credenciada da EDENRED, no âmbito do Euroticket Creche.
O Euroticket Creche® é um vale de apoio à infância com vantagens fiscais e laborais destinado a comparticipar despesas de educação dos filhos dos trabalhadores, dos 0 até aos 7 anos de idade. Está disponível em formato papel ou em formato digital;
Para o pagamento de creches, jardins-de-infância e lactários, é um benefício social concedido pela empresa ao trabalhador totalmente isento de IRS, TSU e com majoração fiscal de 40% em sede de IRC (regulado no DL 26/99, de 28 de janeiro). Dá mais poder de compra para o trabalhador e mais eficiência fiscal para a empresa.
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

ℹ️ ESTABELECIMENTO DE ENSINO PRÉ-ESCOLAR:

ℹ️ ESTABELECIMENTO DE ENSINO PRÉ-ESCOLAR:

❇️ COVID – 19: MEDIDAS DE PREVENÇÃO E CONTROLO

A COVID-19 é uma doença causada pela infeção pelo novo Coronavírus (SARS-CoV-2). A doença manifesta-se predominantemente por sintomas respiratórios, nomeadamente, febre, tosse e dificuldade respiratória, podendo também existir outros sintomas, entre os quais, odinofagia (dor de garganta), e dores musculares generalizadas. Com base na evidência científica atual, este vírus transmite-se principalmente através de:

Contacto direto: disseminação de gotículas respiratórias, produzidas quando uma pessoa infetada tosse, espirra ou fala, que podem ser inaladas ou pousar na boca, nariz ou olhos de pessoas que estão próximas (< 2 metros).

Contacto indireto: contacto das mãos com uma superfície ou objeto contaminado com SARS-CoV-2 e, em seguida, com a boca, nariz ou olhos.

 Através da Resolução do Conselho de Ministros n.º 33-C/2020, de 30 de abril, o Governo aprovou ainda uma estratégia gradual de levantamento de medidas de confinamento no âmbito do combate à pandemia da doença COVID-19, nos termos da qual definiu o dia 1 de junho como data de reabertura dos estabelecimentos de educação pré-escolar.
 Assim, em cumprimento das orientações da Direção-Geral da Saúde (DGS), estabelecem-se diretrizes para a reorganização do funcionamento de cada estabelecimento de educação pré-escolar.
 Pese, embora, a recomendação atual de distanciamento físico, não podemos perder de vista a importância das aprendizagens e do desenvolvimento das crianças, bem como a garantia do seu bem-estar e direito de brincar. É também essencial considerar que as interações e as relações que as crianças estabelecem com os adultos e com as outras crianças são a base para a sua aprendizagem e desenvolvimento.
 As crianças, bem como o pessoal docente e não docente, com sinais ou sintomas sugestivos de COVID-19 não se devem apresentar no estabelecimento de educação pré-escolar. Quem tiver sintomas deve contactar a Linha SNS24 (808 242424) ou outras linhas telefónicas criadas especificamente para o efeito e proceder de acordo com as indicações fornecidas pelos profissionais de saúde.
 Serão privilegiadas as atividades que decorram no exterior em regime rotativo dos grupos.
Não deve a criança permanecer no estabelecimento de educação por período superior ao estritamente necessário.

🔵 AÇÕES REALIZADAS:

🔷 PRÉ-REABERTURA DO ESTABELECIMENTO DE ENSINO PRÉ-ESCOLAR:
➡️Atualização do Plano de Contingência (elaborado de acordo com a Orientação 006/2020 da Direção Geral da Saúde (DGS);
➡️Nebulização de todos os espaços do estabelecimento de educação Pré-escolar;
➡️Formação das colaboradoras: COVID – 19: MEDIDAS DE PREVENÇÃO E CONTROLO
➡️Reorganização da entrada / saída das crianças, em distintos acesos;
Fornecimento, às colaboradoras dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI);
➡️Todos as colaboradoras usarão máscara cirúrgica.

🔵ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO
NORMAS DE SEGURANÇA E PREVENÇÃO:
❇️Atualização dos contactos de emergência das crianças;
❇️À chegada e saída da instituição, as crianças devem ser entregues/recebidas individualmente pelo seu encarregado de educação, ou pessoa por ele designada, à porta do estabelecimento, evitando, assim, a circulação de pessoas externas no interior do recinto;
❇️Será medida à entrada, durante o dia e à saída, diariamente, a temperatura das crianças, com recurso a termómetro infravermelho. Não é permitida a entrada e / ou permanência da criança com febre, bem como outros sinais e sintomas associados à infeção pelo Covid-19: febre (temperatura ≥ 38.0ºC); tosse; dificuldade respiratória (ex: falta de ar) e diarreia.
❇️Os encarregados de educação, ou pessoa por ele designada, devem usar máscara;
❇️As crianças têm que ter dois pares de calçado na instituição: um par para usarem no interior e outro no exterior.
❇️As crianças devem trocar o calçado que levam de casa (os encarregados de educação terão que o levar para casa) por outro apenas utilizado no espaço do Jardim de Infância. Este calçado extra permanece no estabelecimento de educação, devendo ser higienizado, todos os dias, após a saída da criança. Os profissionais deverão cumprir a mesma orientação.
❇️As crianças não podem levar brinquedos ou outros objetos não necessários de casa para a creche;
❇️Os bibes das crianças devem ser higienizados diariamente pelo que devem, preferencialmente, ter dois bibes;
❇️Após o 1.º dia, no regresso à instituição, não será permitida a entrada de mochilas / sacos / objetos.

🔵 IDENTIFICAÇÃO DE CASO SUSPEITO:
Perante a identificação de um caso suspeito (se detetado no estabelecimento de educação), este deve encaminhar-se ou ser encaminhado para a área de isolamento, pelos circuitos definidos no Plano de Contingência.
Sempre que se trate de uma criança, a pessoa responsável deve permanecer com a criança na sala de isolamento, cumprindo com as precauções básicas de controlo de infeção, nomeadamente quanto à higienização das mãos.
Deve ser contactada a Linha SNS24 (808 242424) e proceder de acordo com as indicações fornecidas.
As Autoridades de Saúde locais devem ser imediatamente informadas do caso suspeito e dos contactos do grupo, de forma a facilitar a aplicação de medidas de Saúde Pública aos contactos de alto risco. Para o efeito, os estabelecimentos devem manter atualizados os contactos das Autoridades de Saúde territorialmente competentes.
Se o caso suspeito for uma criança, deve ser contactado, de imediato, o respetivo encarregado de educação.
Deve-se reforçar a limpeza e desinfeção das superfícies mais utilizadas pelo caso suspeito, bem como da área de isolamento, nos termos da Orientação 14/2020 da DGS.
Os resíduos produzidos pelo caso suspeito devem ser acondicionados em dois sacos de plástico, resistentes, com dois nós apertados, preferencialmente com um adesivo/atilho e devem ser colocados em contentores de resíduos coletivos após 24 horas da sua produção (nunca em ecopontos).

🔴 NOTA:
Este documento foi elaborado, tendo por base:
Resolução do Conselho de Ministros n.º 33-C/2020, de 30 de abril. [Disponível em linha: https://dre.pt/application/conteudo/132883346]

Orientações do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social para a reabertura da resposta social do Pré-Escolar. [Disponível em linha: file:///C:/Users/Admin/Downloads/74.%20Orienta%C3%A7%C3%B5es%20para%20a%20Reabertura%20da%20Educa%C3%A7%C3%A3o%20Pr%C3%A9-Escolar%20(1).pdf].

Recomendações: Adaptar os Locais de Trabalho / Proteger os Trabalhadores. [Disponível em linha: https://www.act.gov.pt/…/No…/Documents/19_MEDIDAS-280420.pdf ]

Orientação da Direção Geral de Saúde (DGS) NÚMERO: 006/2020, 26/02/2020: Procedimentos de prevenção, controlo e vigilância em empresas. [Disponível em linha: https://www.dgs.pt/…/orientacao-n-0062020-de-26022020-pdf.a…]

Orientação da Direção Geral de Saúde (DGS) NÚMERO: 14/2020, 31/03/2020: Limpeza e desinfeção de superfícies em estabelecimentos de atendimento ao público ou similares. [Disponível em linha: https://www.dgs.pt/…/orientacao-n-0142020-de-21032020-pdf.a…]

Orientação da Direção Geral de Saúde (DGS) NÚMERO: 25/2020, 31/03/2020

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

OFERTA – Estágio profissional para Educadora de Infância

LOCAL – Viseu

NOTA: para se candidatar, envie email para: obrassociaiscmsmviseu@gmail.com
– com o currículo vitae e carta de motivação.

Estágios com a duração de 9 meses, não prorrogáveis, tendo em vista promover a inserção de jovens no mercado de trabalho ou a reconversão profissional de desempregados.

CONTACTO – 232 414 908

INFORMAÇÕES ADICIONAIS:
https://www.iefp.pt/estagios

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

USE MÁSCARA: “CUIDE DE SI, CUIDE DE TODOS”

Hoje destacamos a campanha de sensibilização para a importância do uso da máscara: “Cuide de Si, Cuide de Todos”

😷 Vamos usar máscara para proteção de todos!
👉É necessário promover o distanciamento social e usar proteção individual, de forma a reduzir as possibilidades de contágio.
👉Quando sair de casa use máscara em espaços públicos.
👉O uso público de máscara reduz o risco de contágio através de pessoas que estão infetadas e que não apresentam sintomas.
#viseudaolafoes #UmConselhodaDGS #SejaUmAgentedeSaudePublica

Viseu Dão Lafões

Cuide de Si, Cuide de Todos!

Gepostet von Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões am Samstag, 9. Mai 2020

As Obras Sociais Viseu, no âmbito do projeto SOS Viseu, estão a confeccionar máscaras sociais ou de uso comunitário para ofertar aos Lares & IPSS. Está também em desenvolvimento a produção de máscaras para o Comércio Local.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon

AÇÃO DE NEBULIZAÇÃO

Excelentíssimas senhoras e senhores,
Informamos que as Obras Sociais Viseu procederão, na próxima semana, à nebulização de todos os espaços da instituição.
Trabalhamos, afincadamente, para poder garantir as condições necessárias de segurança aos nossos colaboradores, utentes e famílias.
Gratos pela vossa confiança nos nossos serviços.
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon