56ª sessão do Grupo de Suporte para Cuidadores Formais e Informais de Pessoas com Demência

“Decorreu no passado dia 13 de Junho a 56ª sessão do Grupo de Suporte para Cuidadores Formais e Informais de Pessoas com Demência do CAAV.

O Grupo de Suporte surge com o principal foco de manter e/ou melhorar a qualidade de vida dos seus participantes e por consequência das pessoas com demência. Para isso, importa promover a compreensão da problemática, trabalhando a cada dia a aceitação da nova condição de vida.

Qualidade de vida surge como um termo bastante abrangente e de difícil definição, sendo indissociável do termo saúde. Se por um lado a saúde contribui para melhorar a qualidade de vida dos indivíduos, esta é fundamental para que os mesmos indivíduos tenham saúde, apresentando-se assim, como sendo indissociáveis uma da outra. Ao referirmos a saúde como ponto fulcral, não referimos apenas a saúde física e mental, mas sim que essas pessoas se sintam bem não só com elas próprias, mas também com a vida, com o seu entorno, encontrando a harmonia entre vários fatores. Estará assim, diretamente associada à auto-estima e ao bem-estar pessoal e compreende aspetos como: a capacidade funcional, o nível socio-económico, o estado emocional, a interação social, a atividade intelectual, o autocuidado, o suporte familiar, o estado de saúde, os valores culturais, éticos e religiosos, o estilo de vida, a satisfação com o emprego e/ou com atividades diárias e o ambiente em que se vive.

Assim, qualidade de vida para os cuidadores de pessoas com demência compreende coisas como:

*Ser respeitado pelas pessoas que o rodeiam; *Manter as capacidades funcionais e mentais; *Sentir-se valorizado pela família; *Dizer o que pensa sem medo de ser recriminado; *Ter capacidade e poder fazer aquilo de que se gosta; *Ter um teto para viver; *Ter liberdade para decidir a sua vida; *Manter a esperança no meu futuro; *Beber um café com uma amiga/o; *Poder apreciar a natureza e a beleza do mundo à sua volta; *Acordar feliz pela oportunidade de um novo dia; *Passear com os netos; *Saborear uma refeição em família.”

IPSS – Obras Sociais Viseu

Centro Apoio Alzheimer VISEU

Sandrina Neri

Emília Vergueiro

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInShare on StumbleUpon